// Artigo: 10 materiais que não podem acabar em um consultório

Espaço do Dentista

10 materiais que não podem acabar em um consultório:


Você acabou de se formar e está começando um consultório agora? São diversas coisas que devem ser vistas: salas adequadas e bem climatizadas, pensar se contratará uma secretária ou não para ajudar no atendimento, questionar se o local escolhido para o consultório é realmente um ponto estratégico para conseguir um número razoável de clientes, entre tantas outras coisas. Pensar em todos os detalhes é complicado, e para quem está começando, é natural ficar meio perdido.

Uma das coisas essenciais no checklist são os materiais essenciais para se trabalhar. Afinal, sem eles se torna impossível atender seus pacientes. Por isso vamos trazer para você 10 materiais que não podem faltar em um consultório odontológico.

Confira!

Resina


Usado para restaurar os dentes dos pacientes, tanto esteticamente quanto funcionalmente. As resinas são utilizadas nos casos de restauro de dentes fraturados, mudança de formato dos dentes, preenchimento de cavidades formadas por cáries e também para minimizar imperfeições do esmalte dentário. A vantagem é que ela pode se aproximar mais da cor real do dente, diferente dos restauros metálicos que eram produzidos há alguns anos.

Cimento


Os cimentos nas clínicas odontológicas são essenciais para unir o dente a uma peça protética, como um restaurado de resina, por exemplo. Também podem ser usados para criar um trabalho dental original. Também podem ser usados de forma definitiva ou temporária. Proporcionam isolamento térmico e dão suporte mecânico aos dentes restauradores com materiais como amálgama ou ouro.

Alginato


É um material de moldagem para a produção de aparelhos ortodônticos, próteses e dentaduras. Vêm em pó, que misturado com água em temperatura ambiente se transforma em uma massa para ser colocada na moldeira. Posteriormente, é levada à boca do paciente para moldar de acordo com as arcadas superiores e inferiores. São divididos em alginato de presa rápida, que facilita a moldagem para pacientes que sentem ânsia de vômito nesse processo e crianças, e pela rapidez não possuem uma precisão tão definida; e alginato de presa lenta, na qual o odontologista tem mais tempo para moldar e a moldagem possui mais detalhes, sendo usada para trabalhos de próteses fixas, removíveis e totais.

Clareadores


Utilizados para fins estéticos, faz com que o esmalte do dente se aproxime de tons mais brancos. Deve-se destacar aqui que todo e qualquer procedimento de clareamento deve ser feito exclusivamente pelo dentista.

Medicamentos


Normalmente os medicamentos odontológicos são utilizados em procedimentos cirúrgicos ou que exijam uma intervenção mais agressiva ao corpo, como no caso de tratamento de canal e extração, por exemplo.

Anestésicos



Sua função é amenizar as dores e os incômodos para pacientes em intervenções como tratamento de cáries, dores causadas por problemas no canal, para extração de dentes e outras intervenções cirúrgicas.

Instrumentais



Os instrumentais possibilitam que o dentista possa fazer procedimentos de atendimento ao paciente. São diversos tipos que não podem faltar no consultório, como espelho clínico; sonda exploratória; pinça de algodão; escavador de dentina; espátula; seringa carpule; arco de yong; alicate de ainsworth; pote dapen; cuba metálica; cuba de borracha; moldeiras; colgadura para película radiográfica; cabo de bisturi e bisturi; tesoura; sindesmótomo, sugador de sangue, cureta; lima para osso; martelo cirúrgico; afastador; alavancas; fórceps; curtas periodontais. Cada uma possui um fim específico para os procedimentos realizados no consultório.

Películas



Caso você possa realizar radiografias em seu consultório, alguns itens que possibilitam a realização delas, como por exemplo, filme (para que você possa produzir a radiografia), um revelador para que a imagem apareça na película e o fixador), necessário para que a imagem se mantenha ali. São úteis para procedimentos simples que precise de radiografia para serem realizados.

Descartáveis



São itens fundamentais para os procedimentos, principalmente no que diz respeito à higiene e proteção do paciente e do dentista. Luvas, touca e máscara são essenciais para a proteção do profissional, e são itens obrigatórios e que devem ser trocados a cada paciente que entre no consultório. Já para uso do paciente são: babador, sugador de saliva, algodão, abaixador de língua, gaze, etc.

Saneantes 



Essencial para higiene e limpeza do material de trabalho do dentista e também de todo o consultório. Engloba água destilada, água oxigenada, álcool 70%, desinfetante, sabonete líquido, soda clorada, solução de Milton. Lembre-se que o ambiente do consultório necessita estar sempre bem limpo e higienizado.


A lista ainda é bem mais extensa, contendo também outros itens como ionômero de vidro, pasta de polimento de resinas, tiras de poliéster, discos soflex, tartarite, cariostático, etc.




Sabe de algum item que pode aumentar nossa lista? Compartilhe com a gente nos comentários!



Dental APSS - Uma das Dentais que mais crescem no Brasil

Uma das Dentais que mais crescem no Brasil